a voz do povo

foto kiran

 

A cidade somos nós…
E o Festival Palco Giratório do Sesc/RS começou… e começou muito bem para mim… Assisti hoje ao “CIDADE PROIBIDA” da Cia. Cia Rústica de Teatro… E o espetáculo é fodástico!!!Diego Ferreira, ator e professor

Nem os espanhóis nem os franceses foram mais interessantes e mais pertinentes ki os donos da casa no Festival internacional de teatro de rua de Porto Alegre. “Cidade proibida”, com a brasileira/gaúcha Cia. Rústica conkistou pelo frescor juvenil na pintura do retrato de uma POA a um só tempo lírica e sórdida. Uma plateia atenta, em geral bem jovem – muitos revendo o espetáculo – falava subliminarmente o seguinte: não é verdade ke os jovens não curtem o teatro. O mais certo seria dizer ke não curtem o teatro ke não está dizendo nada a eles.(…) ” gostei mesmo foi dos gaúchos fazendo um espetáculo chamado Cidade Proibida. Não tem todo esse volume nem o efeito dos franceses, mas tem a energia, um frescor vital e um campo de pensamento mais fundo”. (Kil Abreu, no Festival de Teatro de Rua, abril 2014)

gosto muito do coletivo
gosto do caos
gosto de ter pequenas esperanças na cidade
por que eu não fui ainda embora?
o que posso mudar nela?o que a cidade muda em mim?
gosto de ver o talento de cada um
gosta da diversidade
gosto dos travestis
gosto dos sorrisos
gosto das partituras corporais
gosto da música alta chegando até as estrelas
gosto de sentar na grama,mesmo que quase nunca sente na grama
gostei de ver a Redenção a noite,mesmo nunca tendo ido à noite
gosto de ver gente dizendo
gosto de ver gente se olhando
gosto de vendo artistas juntos e sendo juntos
gostei e fiquei feliz
por um momento agradeci de ainda estar aqui nesta cidade. parabéns!voltem!

Fernanda Petit, atriz. 

CIDArte, a Cidade Pede Arte, parabéns! Sérgio Lulkin

Forma linda de ver a cidade é através da Cia Rústica com o “Cidade Proibida”. Muitos dizeres com vontade e vômitos. Assistam!!! Vinicius Meneguzzi 

Parabéns Cia Rústica vocês são fodásticos, trabalho maravilhoso! Douglas Peixoto Balestrin

Cidade Proibida, Cidade Proibida. Como seria se todos os finais de semana, ou durante a semana pudéssemos estar à noite no parque da redenção sentados na grama assistindo um belo trabalho artístico? Cia Rústica, porque sim!!!! Cibele Sastre, bailarina, coreógrafa e professora UERGS. 

Acabo de voltar do Parque da Redenção, depois de assistir o significativo espetáculo da Cia Rústica. Parabéns a todos e obrigada! Viva a Redenção livre de cercas, um viva aos espaços públicos bem iluminados, abertos à população! Priscila Meira 

Ótimo. .. amei, Obrigada pelo sorriso fácil que me fluiu, Obrigada pela energia trocada, Obrigada pelo palitinho de frutas dividido, Obrigada pela música e musicalidade de vcs, Obrigada por toda alegria, Obrigada por vocês existirem.  Vera Bellotto

Duas vezes e querendo mais!!! Eduardo Schenini

vontade de ir sempre ao parque à noite!!  (…) buscando alternativas, se fazendo presente, abrindo espaços… ares de mudança … há uma esperança! Geórgia Reck 

 Eu pus qualquer camisa para sair de casa.Vi uma mãe deitada com seu filhinho na cama e perguntei se poderia sair:

 “Pra onde vais?” “Me convidaram prum delírio”

 Caminhei trôpego pelos canteiros que cheiravam a Macajuba. (Terra de meu pai, no interior da Bahia). Ainda tonto, pensava como sou feliz de pertencer a Porto Alegre e Porto Alegre me pertencer. No parque assustador e comedor de criancinhas…  Lá no fim dele uma trupe. Um pessoal que se perdeu na caravana do tempo. Pegaram algum buraco de minhoca e transcenderam entre os carroceiros de rua da idade média, os Jólios e Eólios, festejeiros de colheitas, filhos de Téspis e o futuro do fazer artístico onde a angústia dialoga tão poderosamente com o indivíduo que todo processo desconhece as amarras de espaços fechados e público cativo. Pensava eu sobre a cidade, pensavam eles sobre a cidade. pensávamos nós sobre as pessoas. Um ritmo de espetáculo poderoso regido por arquétipos e brincantes donos de seus corpos e vontades. Queria ter mais dos marginais a apreciar. As crianças brancas e os judeus são um público bonito e merecem meu amor, mas queria que do nosso lado de olhar fôssemos mais sujos e barulhentos. De repente, em meio às minhas divagações, os Rústicos apagaram as luzes e despediram-se. Ninguém os soprou, que sejamos justos. Queimaram as roupas das vaidades vãs, provocaram e foram provocados. A minha Porto Alegre precisa deles tanto quanto eles precisam dessa Porto Alegre anacrônica e viciada em fingir estar tudo bem. Obrigado, meliantes! Tiago Expinho, cineasta

 Me senti muito representada quando citaram a compra do Cristal. Jussana Daguerre Lopes

Muito bom! Adoraria ter ido de novo! Betha Medeiros 

 Por volta das “22h e alguns minutos” estivemos lá/aqui na Cidade Proibida, da Cia Rústica. Bela iniciativa; belo espetáculo. Muito bom reocupar espaços públicos com arte, cultura, com PESSOAS! Magali Hochberg

Gente querida é um lindo empreendimento coletivo artístico realizado com muito amor, nota-se facilmente durante todo o espetáculo, por cada integrante. Gracias por sus artes y por sus presencias planetárias! Filipe Suares

Cidade-sedução! Silvana Rodrigues

A cidade que eu imagino tem espetáculos como este, assim, tarde da noite, num parque aberto a todos! SEM CERCAS! Vida longa! Márcia Ilha Marques

Lindo o trabalho de vocês, obrigado por darem vida a esses lugares as vezes esquecidos. Mário Leão

Foi muito bom ver o espaço tão lindo da Redenção ser usado pelo público, como deveria ser sempre!!! E ainda por cima assistir a um espetáculo maravilhoso. E sim, cercas não vão resolver uma situação como esta, seria ingênuo demais pensar que esta atitude garantiria o espaço aos cidadãos de bem. A questão e muito mais complexa e deve ser tratada e discutida com a comunidade que tem direito a usar o parque inclusive a noite!!!!  Eglete Rodrigues

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s